segunda-feira, setembro 12, 2005

AS ÁGUAS DA BENÉMOLA

Sobre estas águas já muito se falou e escreveu. Sobre as suas características mineralógicas, medicinais, milagrosas etc.etc. Baptista Lopes na sua Corografia, em meados do sec XIX, disse : «Em cima das águas da ribeira da Benémola há uma fonte do mesmo nome, ao presente grosseira e tôsca de boa fábrica e muito antiga; nasce ela debaixo duma íngreme rocha, de norte para sul, deitando tão grande porção de água, e com tal ímpeto e violência que corta a ribeira que já ali é bastante larga e de muita água e vai lançar-se na margem fronteira.
No Verão quando a ribeira se seca, ela só dá água para mover os moinhos, que estão construidos na sua corrente.
Tem a virtude de fazer expelir as sangessugas, que ela as não cria.»
Hoje dá pena ver tanta secura.