terça-feira, abril 04, 2006

O SONHO COMANDA A VIDA

O Português é um misto de sonhador e de homem de acção, ou melhor, é um sonhador activo, a que não falta certo fundo prático e realista. A actividade portuguesa não tem raízes na vontade fria, mas alimenta-se da imaginação, do sonho, porque o Português é mais idealista, emotivo e imaginativo do que homem de reflexão.Quem o diz é o Jorge Dias e eu concordo.

1 Comments:

At 4:02 da tarde, Blogger HFR said...

Como sabes Jorge Dias é hoje um antropólogo muito ultrapassado, sobretudo na construção de estereótipos sobre a "identidade nacional". Bem, talvez mais tarde diga alguma coisa sobre isto. Abraço do Helder.

 

Enviar um comentário

<< Home